CONTABILIDADE

Osmar, Marcel, Ney Carioca, Marlon, Gustavo e Gilberto - atletas ajudam a administrar o Carazinhense.
Osmar, Marcel, Ney Carioca, Marlon, Gustavo e Gilberto - atletas ajudam a administrar o Carazinhense.

Para disputa da Copa FGF - Big/Brasil Telecom GSM, a Associação Carazinhense fez uma parceria inédita com o grupo de atletas, onde estes passaram a participar da administração financeira do clube. Sem salários fixos, os atletas concordaram em dividir as rendas dos jogos disputados em Carazinho. Decorridos dois meses do início dos trabalhos, o Presidente Gilberto Augusto Kamphorst e a Tesoureira Juraci da Silva divulgaram o balancete do período, consoante Quadro que segue:

Entradas:

Renda dos amistosos contra o Glória, de Vacaria, Ypiranga, de Erechim e dos jogos oficiais Nacional, de Cruz Alta, São Luiz, de Ijuí e Gaúcho de Passo Fundo, R$2.661,00; Convênio com a Prefeitura Municipal: R$6.000,00; Exploração da copa e venda de cachorro-quente nos jogos: R$938,00. Total da Receita: R$9.599,00.

Saídas:

Diversas, sendo as principais: R$5.571,59 de alimentação e R$1.325,00 de divisão entre os atletas. Total das despesas: R$12.687,59. Resultado negativo do período: R$3.088,59.

Essa divulgação demonstra a lisura dos trabalhos e o esforço da direção e atletas para manterem o futebol profissional em Carazinho entre as grandes equipes do Rio Grande do Sul.